top of page

Presidente da Concórdia Empreendimentos, Sr. Dagnor Schneider, recebe a Medalha JK em Brasília, premiação máxima pela prestação de serviços relevantes ao setor de transporte




A entrega da Ordem do Mérito do Transporte, conhecida como Medalha JK, foi realizada nesta quarta-feira (13), na sede da CNT (Confederação Nacional do Transporte), em Brasília (DF). O Presidente do Tribunal de Contas da União (TCU), ministro Bruno Dantas, recebeu a comenda no grau Grã-Cruz (honraria máxima). Outras 12 personalidades, entre elas o Sr. Dagnor Schneider, Presidente da Concórdia Empreendimentos (Deep Logística e Conlog), que se destacaram pela prestação de serviços relevantes ao setor de transporte em 2023, nas diferentes modalidades, também foram agraciadas.


O presidente do Sistema Transporte, Vander Costa, destacou, em seu discurso, que esta edição da Medalha JK é muito especial porque, neste ano, a CNT completa 70 anos de atuação. “São sete décadas de trabalho dedicados à melhoria das condições para a atividade transportadora e do ambiente de negócios, ao aumento da competitividade e ao progresso socioeconômico”.


Vander Costa enfatizou a grande honra em entregar a Medalha JK, em sua categoria máxima, a Bruno Dantas, que realiza um importante trabalho de velar pelo bom uso dos bens e dinheiro público e fiscalizar a alocação do orçamento em políticas sociais. “A atuação do ministro à frente de um órgão vital para acompanhar a execução orçamentária e financeira do país tem sido marcada pela incessante busca por consensos entre entes públicos e privados, de modo colaborativo entre as partes”, declarou.


Vander Costa disse, ainda, que reconhecer a atuação dessas pessoas é também contribuir para o crescimento e o aperfeiçoamento do segmento no Brasil. “A partir do trabalho de cada um dos homenageados, mostramos para toda a sociedade por que o transporte move o Brasil e é, sem dúvida, uma atividade essencial para o nosso progresso enquanto nação. Nosso reconhecimento e nossa gratidão pelo trabalho que cada um desenvolve na sua área de atuação em prol do transporte em nosso país.”


O ministro de Portos e Aeroportos, Silvio Costa Filho, discursou em nome de todos os homenageados da noite. “Aprendi desde cedo que gratidão se retribui com trabalho. Esse gesto da CNT aumenta minha gratidão, minha vontade de trabalhar e ajudar o país. JK foi, sem dúvida, uma referência. Ele dizia que não nasceu para fazer política com ódio, mas sim política para construir. É isso que precisamos no nosso país”, destacou o ministro.


A Medalha

A Medalha JK é o símbolo maior do reconhecimento dos transportadores brasileiros àqueles que doaram talentos, competências e esforços pessoais pela melhoria do setor no Brasil. Instituída em 1991, tem como patrono o ex-presidente da República Juscelino Kubitschek, fundador de Brasília e um dos principais incentivadores do desenvolvimento do Brasil. A honraria é dividida em três categorias: Grã-Cruz, Grande Oficial e Oficial.


Sendo o Sr. Dagnor Schneider, agraciado na categoria Grande Oficial. Com MBA em Gestão Empresarial pela FGV (Fundação Getulio Vargas), o empresário tem grande trajetória no setor de transporte, atualmente Presidente da Concórdia Empreendimentos (Deep Logística e Conlog), que hoje está entre as 20 maiores empresas de logística do Brasil, também é Presidente da Fetrancesc (Federação das Empresas de Transporte de Carga e Logística no Estado de Santa Catarina).





Clique aqui e confira todos os detalhes do evento e também quem foram os agraciados com a Medalha JK em suas respectivas categorias de homenagem.

 

Fonte: Agência CNT Transporte Atual.



Comentários


bottom of page